Pink Hambúrguer

Ingredientes:
1 xícara de lentilha de molho por pelo menos 12h depois cozida ao dente e processada ainda quente até virar um purê
1 xícara de quinoa branca de molho por 2h
1 colher de sopa de beterraba em pó
2 alhos poró (parte branca) finamente picado
4 colheres de sopa de manjericão fresco picado
½ xícara de cebolete finamente picado
2 dentes de alho ralado
3 colheres de sopa de azeite extra virgem
2 colheres de sopa de missô orgânico
1 colher de sopa de chimichurri
1 colher de chá de pimenta síria
½ colher de sopa de páprica defumada (opcional)
Pimenta rosa moída á gosto
½ limão siciliano exprimido
Farinha de Semente de girassol
Sal de especiarias á gosto
4 colheres de sopa ou mais de sementes (gergelim, abóbora, girassol, chia..)

Modo de preparo:
Descarte a água da quinoa e cozinhe por 12 minutos em água fervente com a beterraba em pó e sal de especiarias.
Descarte a água do molho e cozinhe a lentilha com um pouco de sal de especiarias) deixando ela ao dente(se desejar pode usar a beterraba nesse cozimento também.
Processe a lentilha ainda quente porem bem sequinha com o missô para formar uma massa.
Refogue o alho no óleo de coco, adicione temperos,especiarias e o alho poró e refogue bem.
Incorpore todos os ingredientes e de o ponto com a farinha de semente de girassol ou outra de sua preferência.
Acerte nos temperos e modele os hambúrgueres.
Grelhe ou asse, se quiser mais suculento por dentro grelhe, se quiser mais sequinho asse.
Sirva com os acompanhamentos que preferir.

Ana Paula Martins

Nutricionista

Sou formada há mais de 15 anos em nutrição, nunca me conformei apenas com números e calorias, sempre acreditei que houvesse mais a respeito do alimento e como ele se comporta em nosso organismo, sempre achei que o indivíduo deveria ser olhado como um todo, foi então que decidi me especializar e busquei na nutrição funcional, o caminho para encontrar minhas respostas. Me especializei em nutrição clínica, fitoterapia e em nutrição esportiva, pelo Centro de Ensino Valéria Pascoal. Sempre acreditei que a busca pelo conhecimento, poderia mudar a vida dos meus pacientes. E assim até hoje, busco me atualizar sempre, pois a nutrição é uma ciência em movimento.